30 de jun de 2013

Semana a semana

A vigésima oitava semana...

Esta semana, seu bebê ultrapassou a barreira de 1 quilo. Sabe aquele pacote de 1 quilo de farinha? É mais ou menos o peso do seu bebê. 
Você chegou à reta final. O terceiro e último trimestre da gravidez começa oficialmente na 29a semana, que se inicia agora, e vai até o termo, a conclusão da gestação, entre 37 e 42 semanas. 
O bebê abre os olhos e vira a cabeça se perceber uma luz forte fora da barriga. A camada de gordura sob a pele está se formando. 
É provável que você esteja dividida: por um lado, parece que faz séculos que está grávida; por outro, pode começar a ficar ansiosa e preocupada com a aproximação do parto e da chegada do bebê. 
Respire fundo, ande mais devagar, sonhe bastante com o rostinho do seu filho e siga em frente! Você está quase lá. 
Talvez o médico peça alguns exames extras nessa fase. Um exame de sangue pode detectar uma diabete gestacional, por exemplo. 
Para mulheres que têm sangue Rh negativo, está chegando a hora de tomar a vacina para evitar problemas na hora do parto, no caso de o bebê ser Rh positivo. Uma nova injeção é aplicada depois que o bebê nasce, caso seja comprovado que ele é Rh positivo. 
Você deve estar notando que se cansa mais rápido que há algumas semanas. É assim mesmo. A barriga fica mais pesada e você precisa diminuir o seu ritmo. Descanse sempre que possível. 

Semana a semana

A vigésima sétima semana...

Desejar ao bebê que "sonhe com os anjinhos" nesta fase não chega a ser besteira. Há especialistas que acreditam que os bebês começam a sonhar por volta da 28a semana de gravidez. Com o que eles sonham? Ninguém sabe ao certo. 
O cérebro também está bastante ativo esta semana. Os sulcos característicos da superfície cerebral começam a aparecer, e mais tecido cerebral se desenvolve. 
Se você sentir movimentos ritmados dentro da sua barriga, uns "pulinhos", pode ter certeza de que são soluços, comuns esta semana e ao longo de toda a gravidez. Seu bebê soluça mesmo respirando líquido amniótico, e não ar. As crises de soluço não costumam durar muito tempo, e a sensação pode ser estranha, mas é mais engraçada que desagradável. 
Seu corpo muda rápido agora: o útero já está lá em cima, perto das costelas, e, dependendo da sua sorte, você está prestes a descobrir a delícia que é ter cãibras, hemorroidas ou varizes. (Se serve de consolo, essas coisas normalmente vão embora depois do parto.) 
Se você está se sentindo cansada demais, talvez seu médico sugira um novo exame de sangue para ver se você está com anemia, uma deficiência nos glóbulos vermelhos. Muitas grávidas acabam sofrendo de um pouco de anemia devido às mudanças normais no corpo. 
Se você tem sangue fator Rh negativo, e seu exame de sangue prévio deu negativo para anticorpos anti-Rh, você provavelmente vai fazer um novo exame nesta época. 

28 de jun de 2013

Semana a semana

A vigésima sexta semana...

Se pudesse medir seu bebê agora, você veria que ele está com cerca de 36 centímetros. Mais ou menos do tamanho de... um pé de cebolinha verde! 
Ele continua ouvindo os sons que vêm de fora da sua barriga. A reação aos sons fica mais constante no final do sétimo mês, quando a rede de nervos que vai até o ouvido é concluída. 
Seu bebê também continua "respirando" -- apesar de respirar água, e não ar, esse é um bom treino para quando estiver do lado de fora do útero. 
Nesta fase, o bebê cresce rápido, e o desenvolvimento do cérebro é bastante intenso. 
O cansaço do primeiro trimestre pode estar voltando, então é melhor pegar leve. 
Sempre que se sentir meio para baixo, paparique-se: você tem todo o direito. Um filme, uma revista, dormir até mais tarde, uma boa massagem especial para grávidas (ou mesmo improvisada pelo seu parceiro) ou uma manicure -- coisas pequenas fazem milagres pelo seu bom humor. 
Uma boa caminhada ao ar livre, em um lugar de natureza bonita ou coisas interessantes para olhar, também é um ótimo jeito de se sentir revigorada. Tenha cuidado apenas com o sol porque ele pode provocar ou piorar manchas no rosto. 

27 de jun de 2013

Semana a semana

A vigésima quinta semana...

O bebê agora já se aproxima de 700 gramas e mede 35 centímetros da cabeça até o calcanhar. Ele está mais ou menos do tamanho de um alho poró! 
O bebê faz o movimento da respiração, mas ainda não há ar nos pulmões. Exames de imagem cerebral feitos mais ou menos nesta fase mostraram que o feto já reage ao toque. 
Além disso, ele já detecta a luz. Se você aproximar uma lanterna da barriga, o bebê vai virar o rosto, o que, segundo pesquisadores, indica que o nervo óptico está funcionando. 
O bebê não é o único que está com mais cabelo. É bem possível que agora o seu cabelo esteja mais abundante e sedoso que antes. Não se assuste, porém, se ele começar a cair, porque isso também ocorre para algumas gestantes. 
Pode ser que você note ainda que seus pelos do corpo estão mais escuros e grossos e que resolveram aparecer no queixo, no lábio superior, nos seios e até na barriga. 
Isso ocorre devido ao aumento dos hormônios sexuais andrógenos, mas tudo voltará à normalidade nas semanas posteriores ao nascimento do bebê. 
A solução é encarar uma depilação, mas saiba que pode ser que o processo seja mais dolorido do que de costume. Ou então esconder a "selva"! 

26 de jun de 2013

Semana a semana

Vigésima quarta semana...

Seu bebê está pesando mais de 600 gramas. Ele é bem magrinho e a pele é fina e frágil, mas as proporções do corpo já se aproximam das de um recém-nascido. 
O cérebro está crescendo rápido, e o espaço dentro do útero começa a ser totalmente preenchido. 
A partir de agora, a cada semana que passa o bebê está um pouquinho mais preparado para enfrentar o mundo fora da barriga. Ainda falta muito tempo para ele sair de lá, a não ser que haja algum risco de parto prematuro. 
Estrias avermelhadas podem aparecer na sua barriga, coxas, bumbum e seios. Muitas mulheres também reclamam de coceira na pele. Cremes podem até aliviar essa coceira, mas, infelizmente, não fazem as estrias desaparecerem nem conseguem impedi-las. 
Estrias são típicas desse estágio da gravidez e costumam ficar mais discretas e com um tom mais próximo da própria pele depois do parto. E sempre há a chance de você ser uma das sortudas que passam incólumes pela gravidez, sem estrias. Sua mãe tem? A hereditariedade infelizmente é um dos fatores determinantes para o surgimento de estrias. 
Os olhos tendem também a ser mais sensíveis à luz e a ficar mais secos, um sintoma perfeitamente normal da gestação -- embora menos conhecido. Para melhorar o desconforto, pingue uma solução de lágrimas artificiais que pode ser encontrada nas farmácias. 

25 de jun de 2013

Semana a semana

A vigésima terceira semana

Seu bebê está pesando um pouco mais de meio quilo, com 29 centímetros de comprimento. Ele está do tamanho de uma manga. 
A audição já funciona, e ele consegue ouvir uma versão meio distorcida da sua voz, os seus batimentos cardíacos e os barulhos que seu estômago faz. Outros barulhos altos que forem frequentes durante a gravidez, como o latido do cachorro ou o motor do aspirador de pó, não devem incomodar o bebê quando ele os escutar fora do útero. 
Vários estudos já deram indicações de que os fetos preferem música clássica no útero. 
Além dos avanços na audição do bebê, os pulmões estão se desenvolvendo para se preparar para respirar. Ele continua engolindo líquido, mas normalmente só vai fazer cocô pela primeira vez (o chamado mecônio) quando nascer. 
Pode ser que sua gengiva sangre um pouco ao escovar os dentes -- uma reclamação comum das grávidas (assim como sangramento no nariz). Os hormônios da gravidez podem provocar inchaço e inflamação das gengivas (gengivite), o que leva ao sangramento. 
O que fazer? Escove os dentes com uma escova de cerdas bem macias e passe o fio dental com bastante delicadeza. Se você não tiver esses cuidados, a gengivite pode piorar e virar uma periodontite, uma doença mais séria que atinge o osso e outros tecidos que sustentam a gengiva. 
Procure se programar para ir ao dentista agora, já que depois que o bebê nascer vai ficar bem mais complicado arrumar um tempinho! 

24 de jun de 2013

Viagem de navio

Há algumas restrições a viagens de barco e navio para grávidas: será quase impossível fazer uma viagem dessas no terceiro trimestre. Um cruzeiro pode ser um passeio delicioso antes disso, mas você precisa pensar bem nos seguintes fatores: 

  • Você vai precisar de aprovação do seu médico. Quando há complicações na gravidez, como risco de parto prematuro ou gestação de múltiplos, o obstetra pode preferir não liberar a viagem.


  • As empresas que operam cruzeiros têm restrições para grávidas, mais rígidas até que as companhias aéreas. Dificilmente um navio permitirá o embarque de uma mulher grávida de mais de 28 semanas. Algumas operadoras são mais restritas, e só permitem o embarque até 21 semanas. Informe-se direitinho antes de comprar um pacote desse tipo. 


  • Mesmo que a empresa não exigir, leve uma carta do médico com seu tempo de gestação, os medicamentos que você toma e eventuais informações que ele considerar necessárias.


  • Se você está sofrendo com o enjoo, o movimento da água pode agravar sua situação, portanto pense bem se a viagem vale a pena. Navios maiores balançam menos. Na hora de marcar a cabine, você pode pedir uma que fique no meio do navio, mais ou menos na linha d'água, para minimizar o balanço.

Semana a semana

Vigésima segunda semana...

Seu bebê é agora uma versão mais magrinha de um recém-nascido. Ele pesa cerca de 430 gramas, e mede um pouco mais que 27 centímetros no total. 
O corpo do bebê tem as proporções certas, mas ele ainda vai ter de engordar bastante. Enquanto isso não acontece, a pele fica enrugada. Os lábios e os olhos estão formados, embora a íris (a parte colorida do olho) ainda não tenha pigmentos. O pâncreas, essencial para a produção de hormônios, continua se desenvolvendo. 
Os primeiros sinais dos dentes já aparecem, debaixo da gengiva. O tempo passa rápido e, quando você se der conta, seu bebê já terá seu primeiro dente. 
Agora que seu corpo está se adaptando às drásticas mudanças físicas e hormonais por que passou, você deve conseguir dormir melhor -- isto é, tirando alguns detalhes como as cãibras, os sonhos esquisitos e a congestão nasal. 
Como a vida às vezes é muito irônica, nessa fase também aumenta seu nível de energia, por isso você não vai se sentir tão precisada do sono quanto no primeiro trimestre. 
A barriga começou a crescer, abrindo espaço para o bebê, que parou de pressionar tanto a bexiga. Por isso você não precisa mais sair da cama a toda hora para ir fazer xixi. 
Não esqueça, porém, que seu sono, por melhor que esteja, não é o mesmo de quando você não estava grávida, e ainda pode ser atrapalhado pelos roncos, pela congestão nasal, pelas cãibras e pelos sonhos super-realistas. Por isso, se seu corpo pedir um cochilo, faça o máximo para descansar. 

23 de jun de 2013

Semana a semana

Vigésima semana...

Seu bebê está ganhando peso, e mede agora cerca de 17 centímetros, do alto da cabeça até o bumbum, sem contar as pernas, que costumam ficar bem flexionadas. Ele está mais ou menos do tamanho de uma banana. 
Uma substância espessa e gordurosa, chamada verniz caseoso ou vérnix, envolve todo o bebê e protege a pele da imersão no líquido amniótico. Essa camada também ajuda no parto normal, pois "escorrega". O bebê está engolindo mais líquido esta semana, num bom treino para o sistema digestivo. Depois que ele bebe o líquido, o corpo dele absorve a água e transfere o restante para o intestino grosso. 
Você reparou que a pele embaixo dos seus seios e entre eles está meio vermelha e irritada? É que, na gravidez, partes do corpo que antes não se encostavam passam a entrar em contato, resultando no atrito da pele. 
Isso acontece principalmente embaixo dos seios e na parte interna das coxas, e em especial quando está muito calor. A umidade e a irritação criam o ambiente ideal para a proliferação de micro-organismos, e aí aparece a micose. 
Mantenha a área afetada o mais seca possível, e use talco para absorver a umidade. Use roupas frescas e sutiãs de algodão. No caso das pernas, evite meias-calças e calças muito justas. 
Se a irritação na parte interna da coxa ou na virilha for muito grande, fale com o médico, pois a pele pode estar infectada pela cândida, um fungo que pode passar para o bebê na hora do parto normal. Para reduzir o atrito, você pode até usar uma bermuda de algodão por baixo de saias e vestidos, assim uma coxa não fica suada e roçando na outra. 

Semana a semana

A vigésima primeira semana!

O bebê agora pesa cerca de 360 gramas, e mede aproximadamente 27 centímetros no total. A partir desta semana a medição passa a ser feita do alto da cabeça até o calcanhar. Está bem comprido, do tamanho de uma cenoura! 
As sobrancelhas e pálpebras estão prontas, e as pontas dos dedos já têm unhas. 
Pode parecer inacreditável, mas seu bebê já é capaz de ouvir sua fala. Por isso você pode conversar com ele sem medo de se sentir boba. Vale até cantar e ler histórias. 
Estudos mostram que recém-nascidos sugam com mais vigor ao escutar a leitura de um livro que tenha sido lido pela mãe durante a gravidez. Se você quiser tentar, escolha um e comece a ler em voz alta. 
Mas pegue um livro de que você goste mesmo, porque é muito provável que você vá lê-lo inúmeras vezes depois que o bebê nascer, e há grandes chances de essa se tornar a história favorita do seu filho na hora de dormir, mesmo quando ele estiver maiorzinho. 
Está preocupada porque ainda não sentiu o bebê mexer? A sensação aparece tão de leve que às vezes você demora a perceber o que é. 
Para marinheiras de primeira viagem, os movimentos são sentidos mais tarde. Algumas grávidas chegam a confundir os movimentos fetais com gases, por não saber exatamente do que eles se tratam. Mulheres acima do peso também tendem a sentir o bebê um pouco mais tarde. 
A posição da placenta também pode fazer com que a mulher demore mais a perceber os movimentos.
"A anatomia da bacia feminina pode propiciar uma maior ou menor sensibilidade à movimentação, portanto não compare o quanto você sente o bebê mexer com outra grávida", afirma a obstetra Eleonora F. Stocchero Fonseca. "Corpo e sensibilidade variam muito de pessoa para pessoa." 
Tente fazer um teste caseiro para ver se consegue notar o bebê se mexendo. Deite-se de barriga para cima, coma alguma coisa e fique bem parada, prestando atenção. Talvez a sensação finalmente apareça. 

21 de jun de 2013

Camisola e pijama Be Mammy

Camisola construida em tecido leve e de toque macio é ótima para a gestante usar na maternidade. Básica mas com toque elegante é ideal para dormir confortavelmente.




Pijama Short Doll confeccionada especialmente para o corpo da Gestante, é composto por blusa e bermuda, ambos confeccionados em tecido leve que oferece muito conforto e caimento no corpo.



Semana a semana

Décima nona semana:

Seu bebezinho mede por volta de 15 centímetros da cabeça até o bumbum e pesa aproximadamente de 240 gramas. Está do tamanho de um pimentão! 
Lá dentro da barriga, o feto já começou a engolir o líquido amniótico, e os rins continuam produzindo urina. O cabelo está começando a aparecer. 
O desenvolvimento sensorial chega ao auge esta semana. Os neurônios ligados a cada um dos sentidos -- paladar, olfato, audição, visão e tato -- estão se desenvolvendo em suas áreas específicas do cérebro. 
A produção de células nervosas diminui, e as células já existentes aumentam de tamanho e formam conexões mais complexas. Se você está esperando uma menina, ela tem mais ou menos 6 milhões de óvulos nos ovários. Quando nascer, esse número terá diminuído para por volta de 1 milhão. 
Você está praticamente na metade da gestação! A parte superior do seu útero agora chega até o umbigo, e deve crescer cerca de um centímetro por semana. Essa medição normalmente é feita pelo médico com uma fita métrica nas consultas, no sentido vertical (da vagina para o umbigo). 
Agora que a pele vai esticar, pode ser que surjam as odiadas estrias. Um jeito de reduzir suas chances de tê-las, no entanto, é ganhar peso aos poucos durante a gravidez, mantendo uma alimentação saudável e fazendo atividades físicas. 
Não há provas de que cremes, loções ou óleos que prometem evitar as estrias realmente funcionem. Por outro lado, se você mantiver sua barriga bem hidratada (pode usar óleo de amêndoa, por exemplo), provavelmente vai diminuir a coceira.
As linhas avermelhadas ou acastanhadas (dependendo da cor da sua pele) costumam aparecer na barriga, nos seios e nas coxas. Elas afetam mais da metade das grávidas, porque a pele se distende com o aumento da barriga ou com o ganho de peso. 
Pesquisas indicam que a genética pode ter um papel significativo: se sua mãe ou irmã tiveram estrias durante a gestação, você é forte candidata a tê-las também. 

20 de jun de 2013

Semana a semana

A décima oitava semana...

Seu bebê mede cerca de 15 centímetros, contando do alto da cabeça até o bumbum, e pesa quase 200 gramas. Imagine o comprimento de uma banana. 
O peito dele imita o movimento da respiração, mas ele não inspira ar, e sim o líquido amniótico. 
Agora no segundo trimestre, normalmente entre a 18a e a 22a semana, os médicos costumam pedir uma ultrassonografia morfológica para acompanhar com mais detalhes o crescimento e o desenvolvimento do bebê, detectar sinais de problemas congênitos, avaliar a placenta e o cordão umbilical e verificar se a idade gestacional está correta. 
Durante o exame, você terá a chance de ver o bebê dando chutes, tentando pegar alguma coisa, se virando ou até chupando o dedo. Leve seu parceiro. Os ultrassonografistas costumam entregar fotos do bebê às futuras mães ou até mesmo gravar o exame para os pais guardarem de lembrança. 
Se você ainda não sabe o sexo do seu bebê, o exame é uma boa chance de descobrir. Se for uma menina, a vagina, o útero e as tubas uterinas já estão no lugar certo. Se for menino, os órgãos genitais são bem fáceis de reconhecer. 
Sua barriga começa a tomar forma. Você sabia que existem vários tipos de barriga? Há mulheres que ficam com uma barriga alta, que começa logo embaixo do peito. Outras ficam com a barriga mais para baixo. 
Há mulheres que ficam só com a barriga: de costas, nem parecem que estão grávidas. Já outras ficam com a barriga espalhada, o que acaba irritando um pouco, porque demora mais para ficarem com aparência de "grávidas de verdade".
Você consegue adivinhar qual tipo será sua barriga? 
Roupas maiores e mais confortáveis são fundamentais neste ponto da gravidez. O conforto é o mais importante, então, venha comprar no site da Be Mammy, no site www.bemammy.com.br ou na loja física, no endereço Rua Silva Jardim, número 25, loja 3, Jundiaí, São Paulo..

19 de jun de 2013

Vestido Gestante Longo Preto Lara

Vestido Lara Moda Gestante Longo, coringa no armario da grávida, tecido leve e macio, confortável e fresquinho indispensável nos dias mais quentes do ano.



17 de jun de 2013

Semana a semana

Décima sétima semana

Seu bebê está agora com quase 13 centímetros da cabeça até o bumbum, e pesa por volta de 140 gramas. 
O esqueleto é formado por uma cartilagem ainda flexível, que vai ficar mais rígida com o tempo. Uma substância protetora chamada mielina começa a envolver aos poucos a medula espinhal. 
Com a ajuda de um estetoscópio especial, já dá para escutar os batimentos cardíacos do bebê. Poucas coisas são mais reconfortantes e emocionantes que ouvir o ritmo acelerado do coraçãozinho do bebê. Você terá chance de ouvi-lo em todas as consultas do pré-natal. 
Por enquanto, os papais ainda não conseguem compartilhar tanto da emoção, já que os chutes de verdade só devem acontecer daqui a um mês. Se você ainda não os sentiu, experimente deitar de barriga para cima depois de comer, e prestar atenção nas sensações. Talvez você sinta alguma coisa. 
É possível que você note que a aréola, a parte mais escura em volta dos mamilos, está mudando de tamanho à medida que seus seios crescem. Esse é um "efeito colateral" da gravidez que pode persistir por até um ano depois do nascimento do bebê. 
Outras mudanças de pele que acompanham a gestação, como a linha vertical mais escura que pode aparecer na barriga e as marcas no rosto, também tendem a sumir uma vez que o bebê tenha nascido. 

Semana a semana

 Décima sexta semana

Seu bebê está mais ou menos do tamanho de uma pera grande (cerca de 12 centímetros da cabeça até o bumbum, pesando aproximadamente 100 gramas).
Nas próximas três semanas ele vai passar por um grande estirão, dobrando de peso e crescendo vários centímetros. 
Tanto dentro como fora da barriga, bebês adoram brincar. O seu talvez já tenha descoberto seu primeiro brinquedo -- o cordão umbilical --, que vai puxar e segurar para se divertir. Às vezes ele pode apertá-lo a ponto de reduzir a quantidade de oxigênio que passa, mas não se preocupe -- ele não conseguirá apertar tempo suficiente para se prejudicar. 
O sistema circulatório e o trato urinário estão em plenas condições de funcionamento, e o bebê inala e exala líquido amniótico pelos pulmões. 
Você deve ter engordado até agora entre 2,5 e 5 quilos. O crescimento do útero pode provocar pontadas devido à expansão do abdome. Essa dor geralmente é temporaria, mas saiba que o aumento do útero sobrecarregará suas costas.
É importante cuidar da postura para proteger a coluna e evitar a pressão e dores.
As mudanças no corpo muitas vezes provocam outro incômodo bastante comum entre as grávidas: hemorroidas.
Uma alimentação rica em grãos integrais pode ajudar você a evitá-las.

16 de jun de 2013

Gêmeos

Os casos de gravidez de mais de um bebê ficaram bem mais comuns nos últimos tempos por causa dos tratamentos de fertilidade, cada vez mais frequentes e acessíveis. Ter gêmeos na família também aumenta as chances de uma gravidez múltipla. 
Se você suspeita que está grávida de gêmeos (porque a barriga já está grande, por exemplo), poderá confirmar através de um ultrassom. 
Existem dois tipos de gêmeos: os idênticos (quando somente um óvulo é fecundado pelo espermatozoide e depois ele se divide) e os fraternos (quando dois óvulos são fecundados por dois espermatozóides separadamente).

Semana a semana

Décima sexta semana (quatro meses)

Seu bebê está mais ou menos do tamanho de uma pera grande (cerca de 12 centímetros da cabeça até o bumbum, pesando aproximadamente 100 gramas).
Nas próximas três semanas ele vai passar por um grande estirão, dobrando de peso e crescendo vários centímetros. 
Tanto dentro como fora da barriga, bebês adoram brincar. O seu talvez já tenha descoberto seu primeiro brinquedo -- o cordão umbilical --, que vai puxar e segurar para se divertir. Às vezes ele pode apertá-lo a ponto de reduzir a quantidade de oxigênio que passa, mas não se preocupe -- ele não conseguirá apertar tempo suficiente para se prejudicar. 
O sistema circulatório e o trato urinário estão em plenas condições de funcionamento, e o bebê inala e exala líquido amniótico pelos pulmões. 
Você deve ter engordado até agora algo entre 2,5 e 5 quilos. O crescimento do útero pode provocar pontadas devido à expansão do abdome. Essa dor geralmente é temporária, mas saiba que o aumento do útero sobrecarregará suas costas. 
É importante cuidar da postura para proteger a coluna e evitar a pressão e dores. 
As mudanças no corpo muitas vezes provocam outro incômodo bastante comum entre as grávidas: hemorroidas. Uma alimentação rica em grãos integrais pode ajudar você a evitá-las. 
Falando nisso, você deve ter notado que seu cocô está bem mais escuro e que a prisão de ventre piorou. É culpa do suplemento de ferro. Se a situação estiver muito ruim, converse com o obstetra. 

15 de jun de 2013

Macacão

Sinta-se uma gestante linda, coloque esse versátil macacão em seu closet e será com certeza o look prediléto. Por ser clássico poderá usá-lo durante e após a gestação.

Por apenas R$119,99, apenas no site www.bemammy.com.br

Semana a semana

 A décima quinta semana..

Mesmo que você ainda não consiga sentir, seu pequeno hóspede tem soluços com frequência. Isso acontece com todos os bebês mesmo antes de eles respirarem, mas não sai nenhum som, já que a traqueia está preenchida de líquido, em vez de ar. 
Embora você provavelmente já tenha engordado entre 2 e 5 quilos, o feto não pesa mais que 70 gramas. Ele tem cerca de 11 centímetros de comprimento, contando do topo da cabeça até o bumbum. 
As pernas estão ficando mais compridas que os braços, as unhas já estão completamente formadas e todas as articulações funcionam. Agora talvez já dê para descobrir o sexo do bebê numa ultrassonografia, pois os órgãos genitais externos podem estar desenvolvidos o suficiente para ser distinguidos pelo ultrassonografista. 
Um dos momentos mais emocionantes da gravidez é sentir o bebê mexer pela primeira vez. A maioria das mulheres percebe os primeiros movimentos entre a 16a e a 20a semana. Esses movimentos iniciais podem até parecer gases, mas são, na verdade, as cambalhotas de seu filho. Não deixe de falar sobre isso na sua próxima consulta. 
Algumas mulheres só sentem o bebê se mexer mais tarde, só mesmo na 20a semana ou mais, ou com uma frequência menor, então não se preocupe se ainda não notou nada.
Nesta fase, é possível que seu médico sugira a realização de um exame de sangue para detectar problemas genéticos. O chamado teste de múltiplos marcadores mede, entre outras coisas, os níveis da alfa-feto proteína e é feito entre a 15a e a 20a semana. 
Embora seja realizado rotineiramente em alguns países, no Brasil esse teste não é muito frequente. Ele serve para definir a indicação para uma possível amniocentese. 
A amniocentese, um exame invasivo, só costuma ser recomendada para mulheres com mais de 35 anos ou para aquelas com histórico familiar de problemas congênitos. Ela também é realizada entre a 15a e a 20a semana de gravidez. Peça a seu médico para explicar a você todas as implicações dos testes feitos para detectar anormalidades cromossômicas. 

14 de jun de 2013

Desenvolvimento do bebê

Quer saber como deve ser o desenvolvimento do seu bebê? Dê uma olhada na tabela abaixo:
Beijinhos:)

Polo Gestante

Polo Gestante Be Mammy modelagem soltinha e acabamento delicado, elegante perfeita para looks com estilo.

Apenas no site www.bemammy.com.br

Semana a semana

A décima quarta semana:

Da cabeça até o bumbum, seu bebê mede cerca de 9 centímetros de comprimento e pesa em torno de 45 gramas. Ele está, mais ou menos, do tamanho de um limão siciliano. 
O corpo agora cresce mais rápido que a cabeça. Esta semana, a pele, fina como um papel de seda, cobre-se de lanugo (um pêlo finíssimo e macio que costuma desaparecer antes do nascimento). As sobrancelhas e o cabelo começam a surgir, mas o cabelo pode mudar de cor e de textura depois que o bebê nascer. 
Nesta fase, o feto consegue fazer os movimentos de agarrar, franzir as sobrancelhas e fazer caretas. Talvez saiba até chupar o dedo. Os pesquisadores acreditam que esses e outros movimentos correspondam ao desenvolvimento de impulsos no cérebro.
Se você ainda não fez a medição da translucência nucal, o período ideal para realizar o exame termina esta semana. 
Pelo ultrassom, o médico mede a espessura de uma dobra no pescoço do bebê, para detectar sinais de síndrome de Down ou outros problemas congênitos. Talvez seu obstetra recomende a realização de uma amniocentese entre a 15a e a 18a semana de gravidez. 
A indicação costuma ser feita para mulheres com mais de 35 anos ou com histórico de problemas genéticos, mas é a família que decide se ela deve ser feita ou não. 
O nascimento do bebê ainda está distante, mas seu corpo pode começar ainda durante a gravidez a produzir o colostro, aquele primeiro líquido que alimenta a criança logo após o parto, antes de o leite propriamente dito "descer". 
A estatura de uma mulher não tem nada a ver com sua capacidade de amamentar nem de dar à luz, então saiba que, mesmo que você seja mais baixinha, terá todas as condições para um parto normal e para dar de mamar a seu filho -- nesse caso, tamanho não é documento. 
E quem tem mamilos invertidos ou colocou prótese também não precisa se preocupar, porque estes geralmente não são impedimentos para ter leite e dar o peito para o bebê. 

13 de jun de 2013

Calça Jeans Gestante

A Calça Jeans Larinha COM TAMANHOS ESPECIAIS do Nº38 ao Nº 54 elegante e confortável, veste muito bem, ideal para look trabalho, happy hour, shopping, cinema,casual com toque sofisticado.



Semana a semana

Enfim, a décima terceira semana...

Seu bebezinho agora tem quase 8 centímetros de comprimento, se medido da cabeça até o bumbum, e pesa pouco menos de 25 gramas -- mais ou menos o tamanho de uma vagem de ervilha. 
Ele já tem impressões digitais só dele, e começa a fazer o movimento de procurar o mamilo para mamar. 
Se você estiver grávida de uma menina, ela já possui cerca de 2 milhões de óvulos dentro dos ovários; quando nascer, esse número terá diminuído para cerca de 1 milhão. Conforme ela for ficando mais velha, o número de óvulos vai cair ainda mais, e, aos 17 anos, ela terá 200 mil óvulos. 
Você está oficialmente no segundo trimestre da gravidez, o que traz duas boas notícias. Primeiro, o risco de um aborto espontâneo diminui substancialmente; outra coisa é que muitas mulheres dizem que os incômodos iniciais da gestação, como o enjoo matinal, melhoram agora. 
Com menos náusea e mais energia, talvez você até note um aumento da libido. 
Se você deixou de se sentir enjoada, pode ser que passe a ter um apetite de leão. Procure ter sempre em casa alimentos saudáveis para beliscar, como frutas variadas ou cenoura crua, assim você alivia a fome sem comer tantas bobagens. 

12 de jun de 2013

Semana a semana

A décima segunda semana:

O rosto do seu bebê começa a ter uma aparência mais humana, embora ele tenha apenas 5,5 centímetros de comprimento do topo da cabeça até o bumbum, e pese menos de 15 gramas, lembrando o tamanho de um limão. 
Os olhos, que antes ficavam nas laterais da cabeça, já se aproximaram um do outro. As orelhas estão quase na posição normal. O fígado produz bile e os rins secretam urina na bexiga.
O feto se mexe se alguém cutuca a sua barriga, mas você ainda não consegue sentir os movimentos dele. As células nervosas fetais se multiplicam rapidamente, e as sinapses (conexões neurológicas no cérebro) estão se formando. 
O bebê adquiriu mais reflexos: se alguma coisa encosta na palma da mão, os dedos fecham; se alguma coisa encosta na sola do pé, os dedos se curvam; e, se alguma coisa encosta nas pálpebras, os músculos dos olhos se contraem. 
Seu enjoo deve estar melhorando, e logo você terá mais energia no dia-a-dia. Também deve estar mais aliviada porque o risco de aborto espontâneo agora diminui drasticamente. 
Talvez seja difícil de acreditar, se você ainda tem náuseas o tempo todo, mas logo seu apetite vai voltar. Prefira comer carnes bem passadas para reduzir os riscos de toxoplasmose.
Seus dentes e gengivas ficam mais sensíveis e sujeitos a problemas durante a gravidez, por isso o ideal é marcar uma consulta no dentista -- embora ele provavelmente vá evitar que você seja submetida a um raio X (se ele for necessário, você usará um avental de chumbo). 
Você também deve ter notado que sua gengiva sangra mais quando você escova os dentes ou passa o fio dental, mas isso é normal. Para amenizar o incômodo, procure usar uma escova de dente bem macia

11 de jun de 2013

Travesseiros e Macacões

Agora a Be Mammy está vendendo também pelo Mercado livre..
Venha comprar Travesseiros de gestantes e Macacões!!
http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-489909477-travesseiro-gestante-legitimo-be-mammy-_JM
http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-489906613-macaco-moda-gestante-malha-extremo-conforto-preto-_JM

 
 
 

 










Semana a semana

Décima primeira semana

Você está chegando perto do fim do primeiro trimestre. Quando as próximas semanas passarem, a maior parte do desenvolvimento mais crucial do bebê já terá acontecido. 
Do alto da cabeça até o bumbum, o feto tem 4 centímetros e o corpo todo formado, desde os dentes até as unhas do pé. Ele agora tem um tamanho semelhante a um figo. Seu bebê leva uma vida agitada, dando chutes e se esticando; os movimentos são tão fluidos que parecem um balé aquático.
Os dedos das mãos e dos pés já se separaram totalmente. A principal tarefa do feto, durante os próximos seis meses, é crescer e se fortalecer até ser capaz de sobreviver por conta própria fora do útero. 
Seu médico deve pedir que você faça o exame de translucência nucal, por ultrassom, para detectar sinais de problemas genéticos. Esse exame é feito entre a 11a. e a 14a. semana de gestação. 

10 de jun de 2013

Semana a semana

Décima semana..

O bebê tem apenas 3 centímetros de comprimento do alto da cabeça até o bumbum, e pesa menos de 4 gramas. O tamanho dele parece o de uma azeitona verde. 
Mesmo tão pequeno, ele engole líquido e dá chutes o tempo todo. Todos os dias surgem novos detalhes, como as unhas e um pouco de cabelo, uma leve penugem.
Os órgãos vitais -- o fígado, os rins, o cérebro e os pulmões -- estão totalmente formados e já funcionam, e a cabeça tem quase metade do comprimento do corpo inteiro. A testa ainda está saltada, mas logo vai assumir uma forma mais humana. 
Se você pudesse dar uma olhadinha no seu bebê esta semana, conseguiria enxergar claramente o desenho de sua coluna. Os nervos se expandem a partir da medula espinhal.

9 de jun de 2013

Camiseta I Love My Baby

A camiseta é pefeita para looks casuais com estilo. De shape justinho e compridinha, aliada à estampa com frases divertidas, dão toque alegre ao look.
www.bemammy.com.br

Para o papai

Camisetas para o papai, claro!!
www.bemammy.com.br


Vida saudável

Alimentação na gravidez

1. As calorias devem ser controladas, contudo, um acréscimo de 300 kcal/dia, no segundo e terceiro trimestres é necessário devido ao aumento de tecidos, crescimento do feto e da placenta. As 300 kcal a mais na alimentação equivalem a 1 colher grande rasa de arroz (30g) + 1 concha pequena de feijão (65g) + 1 fatia pequena de carne grelhada (70g). As mães que amamentam também precisam de um adicional de calorias, pois durante este período há um aumento das necessidades energéticas em função do grande gasto calórico para a produção do leite;
2. Consuma proteínas de fontes animais, tais como laticínios magros/desnatados (3-4 porções ao dia), ovos (3 vezes por semana), carnes vermelhas magras, aves sem pele e peixes, principalmente os marinhos ricos em ômega-3, tais como salmão, sardinha, atum etc (2 porções de carnes, aves ou peixes ao dia). As carnes de um modo geral devem ser consumidas grelhadas ou cozidas, ao invés de fritas. Os peixes marinhos deverão fazer parte do cardápio pelo menos 2 a 3 vezes por semana, pois são ricos em ácidos graxos ômega-3 que comprovadamente ajudam no desenvolvimento do cérebro e retina do recém-nascido. Consuma também fontes de proteínas vegetais tais como feijão, ervilha, soja, grão de bico etc (1-2 porções ao dia). As proteínas destinam-se ao crescimento e à reconstituição dos tecidos do corpo. A média de consumo diário para uma pessoa adulta é de um grama por quilo de peso. Para uma mulher grávida a média aumenta para dois gramas por quilo de peso;
3. Escolha o melhor carboidrato. Procure consumir pão integral, cereais integrais como arroz integral, aveia, farelos em geral etc. Ao contrário da farinha de trigo branca e do açúcar, eles são ricos em vitaminas, minerais e fibras, importantes para a saúde da mãe e do bebê. Recomenda-se consumir 4 a 6 porções por dia. Uma porção equivale a duas fatias de pão integral, uma xícara de cereais matinais ou 3 colheres de arroz integral;
4. Dê prioridade para as gorduras do bem. Na gestação, mesmo sendo a gordura a maior vilã pelo aumento de peso, ainda assim ela não deve ser eliminada totalmente da dieta: é necessário apenas manter a cota sem excedê-la, pois ela é vital para o bebê em desenvolvimento. Deve-se dar prioridade para as gorduras insaturadas de origem vegetal (óleos vegetais em geral, azeite de oliva, nozes, castanhas, amêndoas), pois elas são menos danosas ao sistema cardiovascular. Evitar consumir carnes gordurosas, embutidos como lingüiça, salames, salsichas, queijos gordos (amarelos), maionese, frituras e molhos em geral, banha de porco, torresmo;
5. Vitaminas e minerais são indispensáveis. Para assegurar o fornecimento adequado desses nutrientes, é importante ter uma alimentação diversificada incluindo cereais, produtos integrais, oleaginosas, frutas, legumes, verduras, laticínios e carnes. As frutas e hortaliças em geral garantem um grande aporte de minerais e vitaminas. Recomenda-se o consumo de pelo menos 5-6 porções de verduras e frutas por dia, incluindo pelo menos uma verdura de folhas verdes. Uma banana ou maçã pequena, uma xícara de salada de frutas, um copo de suco de laranja, um prato de sobremesa de salada de folhas, representam uma porção. Tente comer os mais variados tipos de verduras e frutas que puder;
6. Água e líquidos são fundamentais. O bebê em formação precisa de muito líquido, pois grande parte de seu corpo é composta de água. Além disso, o baixo consumo de líquido por mulheres que amamentam pode levar a uma diminuição da produção de leite. Deve-se ingerir pelo menos 8-10 copos de água por dia, além de sucos de frutas, chás, leite etc.
7. Últimas recomendações: evite grandes quantidades de café, chá preto, chocolate, alimentos com corantes artificiais, alimentos light e adoçantes; não exagere em temperos com odor forte, como o alho; não fume nem faça uso de bebidas alcoólicas; procure praticar uma atividade física moderada como, por exemplo a hidroginástica, desde que haja autorização médica.

Camiseta I love my baby

Versátil e indispensável no guarda-roupa, é ótima para criar looks descontraídos.


Semana a semana

A nona semana...

No final desta semana, seu bebê terá cerca de 2,3 centímetros de comprimento e apenas 2 gramas de peso, mais ou menos o tamanho de uma uva verde. 
Os pulsos estão mais desenvolvidos, os tornozelos já se formaram e os dedos das mãos e dos pés são claramente visíveis. Os braços vão ficando mais compridos e já se flexionam nos cotovelos. Ao fim da semana, as estruturas internas dos ouvidos estão concluídas. 
Embora ainda não dê para identificar o sexo do bebê pelo ultrassom, os órgãos genitais começaram a se formar. A esta altura, a placenta já se desenvolveu o suficiente para assumir a maior parte do importante trabalho que é produzir os hormônios. 

8 de jun de 2013

Semana a semana

Oitava semana...
Parabéns! Seu embrião foi promovido a feto. Seu útero está crescendo para acomodar o novo hóspede, que agora mede em torno de 1,6 centímetro. 
Várias mudanças acontecem esta semana. A cauda embrionária desaparece e todos os órgãos, músculos e nervos estão começando a funcionar. As mãos já se flexionam no punho, e os pés começam a perder a aparência de pé-de-pato. As pálpebras começam a cobrir os olhos. 
O coração do seu feto bate a 150 batimentos por minuto (o dobro de um adulto em repouso).
Se você beber bastante água (pelo menos oito copos por dia), vai ingerir flúor suficiente para que o cálcio e o fósforo se fixem adequadamente nos dentes e nos ossos do bebê. 
Para aliviar o cansaço típico de início de gravidez, repouse sempre que possível. Um cochilo depois do almoço ajuda a renovar as energias.
Se achar necessário, durma algumas horas a mais por noite.

7 de jun de 2013

Depilação

Grávida pode fazer depilação?

Sim, grávida pode fazer depilação, mas talvez doa mais que o normal. As grávidas têm um maior fluxo de sangue correndo pelo corpo, especialmente na área vaginal, e podem sofrer mais que de costume na hora da depilação. 

"Tanto a cera quente como a fria não fazem mal para a mãe ou para o bebê, mas é preciso tomar bastante cuidado com as condições de higiene do local onde a mulher se depila, porque, isso sim, pode ser fator transmissor de doenças", afirma a obstetra Daniela Maeyama, do Hospital e Maternidade São Luiz, em São Paulo. 

Para evitar problemas, certifique-se de que a cera usada em você não é reaproveitada de outras clientes (mesmo que seja quente) e que todo o material utilizado seja descartável. 

Evite os cremes depilatórios, porque eles são produtos químicos mais fortes, que podem conter amônia na fórmula e passar para a corrente sanguínea da mãe e, consequentemente, para o bebê em desenvolvimento.

Usar lâmina de barbear também pode, mas tenha em mente que durante a gravidez há mais probabilidade de você ter pelos encravados, que podem incomodar bastante. 

Procedimentos de depilação definitiva, como os com laser ou eletrólise, são em princípio seguros, mas não são aconselháveis durante a gestação, porque a mudança hormonal pode provocar o escurecimento da pele no local das aplicações. Outras técnicas, que envolvem a inserção de produtos químicos no local onde o pelo crescia, não são aconselhadas.