9 de ago de 2012

Bebê deverá sair da maternidade com Cartão SUS


O Ministério da Saúde vai lançar um edital para a compra de 12 mil impressoras usadas na emissão de Cartão SUS. As máquinas serão distribuídas nas maternidades do País, que ficarão encarregadas de confeccionar o cartão para todas as crianças nascidas, afirmou o secretário de Gestão Estratégica e Participativa, Luiz Odorico Monteiro Andrade. "A ideia é o bebê sair da maternidade já com o documento", disse.

Pelo cronograma, completou, até o fim do ano dados de todas as Autorizações de Internação Hospitalar, informações ambulatoriais e de regulação do SUS estarão interligados e disponíveis para o usuário e profissionais de saúde. "A partir desta fase, todos os dados relativos ao paciente estarão reunidos. Tenha ele sido atendido na sua cidade ou não".

O Cartão SUS foi anunciado pelo governo há 14 anos. Desde então, a iniciativa se destacou apenas pelos constantes atrasos, por denúncias de irregularidades e transações suspeitas. Os gastos com o projeto superam os R$ 400 milhões. Boa parte dos cartões confeccionados na década de 1990 não chegaram nem mesmo a ser distribuídos nos municípios. As máquinas compradas na época não foram usadas e não têm mais utilidade.

Em 2011, o Ministério afirmava que até 2014 os registros eletrônicos estariam disponíveis nos municípios. "Por enquanto, não temos atraso", disse Monteiro Andrade. O edital para compra das impressoras está programado para ser publicado sexta-feira.

0 comentários:

Postar um comentário